Back to top

MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO / UFBA

Objetivo

O Programa de Pós-Graduação em Administração compreende três áreas de concentração: Organização, Gestão e Poder; Administração Pública e Governança; e Tecnologia, Inovação e Competitividade, assegurando aos mestrandos e doutorandos o aprofundamento de estudos em campos específicos, constituídos por linhas de pesquisa às quais estarão vinculadas suas teses e dissertações.

O curso de Mestrado Profissional em Administração (MPA) foi criado em 1998, sendo um dos pioneiros nessa modalidade no país. O eixo profissional do Núcleo de Pós-graduação em Administração (NPGA), da Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (EAUFBA), visa a mobilização de competências para a gestão de organizações privadas, públicas e do terceiro setor, tais como: análise de contextos, formulação de estratégias, acompanhamento e monitoramento de resultados, liderança e articulação entre os diversos níveis de decisão na própria organização privada, no governo e na sociedade. O curso tem carga horária de 476h (28 créditos).

No eixo profissional, o MPA direciona-se a turmas fechadas, no modelo de convênios, pela possibilidade de adaptação da matriz curricular à filosofia, realidade e necessidades das organizações contratantes e ao perfil dos seus gestores. O processo seletivo ocorre de forma similar ao do eixo acadêmico, sendo conduzido inteiramente por professores do NPGA. Nessa linha de trabalho, o MPA tem atendido com bons resultados organizações de grande e médio porte de âmbito regional e nacional.

A quem se destina (público-alvo)

Servidores das unidades da Fiocruz na Bahia e Pernambuco, visando formar até 15 servidores para atender a uma demanda identificada pelo próprio órgão quanto à necessidade de formação do seu quadro de gestores.

As vagas destinadas aos servidores da Fiocruz foram distribuídas no processo seletivo:

- Até 8 (oito) vagas destinadas aos servidores da Fiocruz Bahia;

- Até 7 (sete) vagas destinadas aos servidores da Fiocruz Pernambuco.

Estrutura

A estrutura curricular do MPA é composta por oito disciplinas do Núcleo Funcional, todas obrigatórias; três disciplinas do Núcleo Metodológico, também obrigatórias, e mais duas disciplinas opcionais (no mínimo), a serem escolhidas. Na relação de disciplinas opcionais consta uma atividade, denominada Oficinas de Gestão, que igualmente pode ser escolhida entre as disciplinas.

As aulas serão realizadas com encontros presencias e à distância. Para cada disciplina (exceção feita ao Projeto de Análise e Intervenção Organizacional) serão 28 horas-aula presenciais de 50 minutos cada e seis horas/aula na modalidade à distância (EAD). A disciplina Projeto de Análise e Intervenção Organizacional ocorrerá somente a partir de encontros presenciais.

Resultados esperados

O resultado esperado para a presente proposta é a formação de gestores com capacidade analítica elevada para estudar, compreender e propor intervenções nos seus processos de trabalho que impactem positivamente suas atividades e, consequentemente, os serviços que a instituição presta à sociedade.

Ao final do programa, os alunos deverão estar aptos a:

- Conhecer e identificar na sua vivência profissional os processos sociais que alteram e condicionam o relacionamento com a sociedade;

- Refletir e analisar criticamente situações e problemas complexos da gestão de instituições;

- Conhecer as diferentes funções da gestão institucional e pensá-las de modo integrado, com ênfase na preservação, criação e disseminação do conhecimento científico, tecnológico e institucional;

- Entender e aprimorar seu desempenho como gerente de equipes, processos e/ou atividades, desenvolvendo atitudes e habilidades necessárias para assegurar seu sucesso;

- Delinear sistemas de gestão institucional.